Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Acesso ao crédito vedado a 38 autarquias em 2005

O endividamento municipal em 2005 não pode ultrapassar os 213 milhões de euros e este «bolo» não é repartido, de forma igualitária, por todas as autarquias. Em função dos seus compromissos com a banca, há 38 municípios que este ano não podem recorrer ao c

Negócios negocios@negocios.pt 24 de Agosto de 2005 às 08:45
  • Partilhar artigo
  • ...

O endividamento municipal em 2005 não pode ultrapassar os 213 milhões de euros e este «bolo» não é repartido, de forma igualitária, por todas as autarquias. Em função dos seus compromissos com a banca, há 38 municípios que este ano não podem recorrer ao crédito, uma vez que o seu plano de amortizações não lhes permite contrair mais empréstimos.

Em reacção à evolução do endividamento das autarquias, que no primeiro semestre deste ano ascendeu a 174 milhões de euros, cerca do triplo do registado em igual período do ano passado, a Associação Nacional de Municípios Portugueses (ANMP) veio a público esclarecer que os créditos contraídos até Junho estão dentro do tecto fixado por lei.

«O número apontado pelo Banco de Portugal não surpreende a ANMP, encontra-se dentro da legalidade e, por isso mesmo, não suscita qualquer questão», refere o comunicado ontem emitido pela entidade.

Como explica a ANMP, segundo o «Diário de Notícias», o endividamento dos municípios portugueses, no seu conjunto, terá de corresponder ao valor igual das amortizações que forem feitas, «não podendo portanto aumentar de forma alguma o seu endividamento».

Ver comentários
Outras Notícias