Economia Acidentes sem seguro automóvel aumentaram em 2018

Acidentes sem seguro automóvel aumentaram em 2018

As indemnizações do Fundo de Garantia Automóvel às vítimas ultrapassaram os 11 milhões de euros. Veja o vídeo da campanha "Sem seguro não é seguro", que vai para a estrada na semana da Páscoa.
Acidentes sem seguro automóvel aumentaram em 2018
António Larguesa 15 de abril de 2019 às 14:57

O número de novos processos em que o responsável pelo acidente automóvel não tinha um seguro válido aumentou 5% em 2018, para um total de 4.281 casos, gerando um pagamento total de 11,1 milhões de euros em indemnizações às vítimas desses sinistros.

 

O balanço é feito pelo Fundo de Garantia Automóvel, um fundo autónomo gerido pela Autoridade de Supervisão de Seguros e Fundos de Pensões (ASF), que assegura que esse dinheiro é disponibilizado em caso de incumprimento na contratação – obrigatória por lei – deste seguro de responsabilidade civil.

 

Com o objetivo de "alertar os automobilistas", este organismo lançou esta segunda-feira, 15 de abril, uma campanha de informação pública sobre condução responsável e a obrigatoriedade do seguro, que inclui um filme publicitário de 20 segundos já disponibilizado em vários meios audiovisuais e nas redes sociais.

 

 

Segundo uma nota informativa divulgada esta manhã pela ASF, a campanha com o título "Sem seguro não é seguro" vai decorrer durante toda a semana, entre os dias 15 e 22 de abril, antecedendo as celebrações da Páscoa, por ser precisamente um "período em que se regista um aumento significativo do tráfego automóvel no país".

A entidade reguladora do setor passou a ser liderada por Margarida Côrrea de Aguiar, ex-secretária de Estado da Segurança Social do Governo PSD/CDS-PP de Durão Barroso, que sucede a José Almaça. Como administrador entra também Caldeira Cabral, que na semana passada foi ao Parlamento dizer que "ter sido ministro não diminui a independência" para exercer no cargo.




Saber mais e Alertas
pub

Marketing Automation certified by E-GOI