Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Actividade económica degrada-se em Janeiro

A actividade económica em Portugal deverá ter continuado a deteriorar-se em Janeiro, agravando o movimento negativo que já se registava desde os últimos meses de 2011, segundo o Instituto Nacional de Estatística (INE).

Pedro Romano promano@negocios.pt 17 de Fevereiro de 2012 às 12:03
  • Partilhar artigo
  • 1
  • ...
Os dados relativos a Janeiro mostram uma degradação da situação económica, em linha com as expectativas da maioria dos economistas e instituições internacionais. O consumo energético, por exemplo, já está a cair 6,3%, mais 1,7 pontos do que em Dezembro.

O indicador qualitativo de consumo privado, calculado pelo INE, também aponta para uma moderação ainda maior dos gastos das famílias, embora aqui a diferença face a Dezembro seja marginal.

No investimento, o panorama também é negativo, com as vendas de máquinas e equipamentos a agravarem também a queda face a Dezembro. Esta tem sido a rubrica mais penalizada durante a crise: em termos reais, o nível de investimento em Portugal já está ao nível do período pré-euro.

No comércio internacional, ainda não há dados para Janeiro. Sabe-se apenas que a carteira de encomendas externa dirigida à indústria piorou, com a procura a recuar 34%.

Em Dezembro, o indicador de actividade do INE apontava para uma quebra da actividade em torno dos 1,4%, mais do que os 0,8% registados no mês anterior.

Os sinais foram confirmados por outros indicadores sectoriais de análise económica. O caso mais grave é o da construção, onde a diminuição da actividade atingiu em Dezembro os 12,7%. Mas os serviços também estão a sofrer uma redução brutal da procura, com o volume de negócios a recuar 11,4%.
Ver comentários
Saber mais Economia actividade económica
Outras Notícias