Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Almeida Santos: "Nem eu sei neste momento o que é um empréstimo intercalar"

Almeida Santos diz que no Conselho de Estado "não se falou em empréstimo intercalar" a Portugal e diz mesmo não saber do que se trata.

Lusa 05 de Abril de 2011 às 18:55
  • Assine já 1€/1 mês
  • 19
  • ...
O presidente do PS (à esquerda na foto) considerou lamentável que Bagão Félix acuse o primeiro-ministro de mentir e contrapôs que José Sócrates falou a verdade quando disse que no Conselho de Estado não se falou em empréstimo intercalar.

"No Conselho de Estado não se falou em empréstimo intercalar nenhum, nem eu sei neste momento o que é um empréstimo intercalar. Presumo que seja um empréstimo entre duas coisas, mas que duas coisas? Entre um empréstimo anterior e outro posterior? José Sócrates disse a verdade quando afirmou que não se falou nisso", afirmou Almeida Santos, citado pela Lusa.

Confrontado pela agência Lusa com as palavras de Bagão Félix, segundo as quais o primeiro-ministro mentiu quando disse em entrevista à RTP que o empréstimo de curto prazo a Portugal não foi discutido na última reunião do Conselho de Estado, Almeida Santos, também membro do Conselho de Estado, lamentou que o ex-ministro dos governos PSD/CDS desconheça a tradição deste órgão.

"Bagão Félix fez uma declaração desagradável ao dizer que o primeiro-ministro mentiu. Antes de Bagão Félix não havia memória de um membro do Conselho de Estado dizer isto de outro membro do Conselho de Estado, houve sempre uma correcção inexcedível. Penso que Bagão Félix começa mal o seu mandato no Conselho de Estado, porque não se falou em empréstimo intercalar nenhum", contrapôs o presidente do PS.

Segundo a versão de Almeida Santos, "quando o primeiro-ministro afirmou que não se falou em empréstimo intercalar na última reunião do Conselho de Estado disse a verdade e, como tal, Bagão Félix não tinha base nenhuma para dizer que ele mentiu".

"Mesmo que Bagão Félix tivesse uma suposta base não deveria usar a palavra mentira, porque isso não é correcto. Nunca se usou essa expressão de um membro do Conselho de Estado relativamente a outro membro do Conselho de Estado. Bagão Félix, a quem não faltam qualidades, começa mal o seu mandato", considerou ainda Almeida Santos.

Interrogado sobre o que deverá fazer o Presidente da República nesta polémica, já que Bagão Félix foi indicado por Cavaco Silva para este órgão, Almeida Santos insistiu que a acusação do ex-ministro de Durão Barroso e Pedro Santana Lopes "é inédita" num membro do Conselho de Estado.

"O Presidente da República ainda não se pronunciou sobre isso e provavelmente nem vai pronunciar-se. A ele compete dizer qual a sua própria reacção a esse fenómeno", respondeu.

Ver comentários
Saber mais Almeida Santos empréstimo Conselho de Estado
Outras Notícias