Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Anulação de dívidas fiscais atinge valores recorde em 2008

A prescrição de dívidas ao Fisco atingiu valores recorde o ano passado. Ao todo, a DGCI "limpou" dos seus ficheiros o equivalente a 1,4 mil milhões de euros em dívidas fiscais, por já ter passado o prazo para a sua cobrança.

Elisabete Miranda elisabetemiranda@negocios.pt 03 de Março de 2009 às 16:07
A prescrição de dívidas ao Fisco atingiu valores recorde o ano passado. Ao todo, a DGCI “limpou” dos seus ficheiros o equivalente a 1,4 mil milhões de euros em dívidas fiscais, por já ter passado o prazo para a sua cobrança.

Este valor é praticamente o dobro do atingido um ano antes, em 2007, altura em que o montante já foi considerado elevado.

As Finanças têm justificado a magnitude destes valores com a actualização dos ficheiros e o saneamento das bases de dados.

Ao valor das prescrições há ainda que somar mais 2,2 mil milhões de euros declarados em falhas que correspondem a dívidas que, apesar de ainda estarem dentro do prazo, dificilmente conseguirão ser recuperadas. O Fisco coloca-as, por isso, numa espécie de “arquivo morto”, revela o relatório de combate à fraude e evasão que será apresentado daqui a pouco pelo Ministro das Finanças.

Ver comentários
Outras Notícias
Publicidade
C•Studio