Economia Apenas 42% do total de desempregados receberam subsídios em Julho

Apenas 42% do total de desempregados receberam subsídios em Julho

Cerca de 385 mil desempregados receberam em Julho prestações de desemprego, o que corresponde a 42% do total de desempregados contabilizados pelo Eurostat no mesmo mês.
Apenas 42% do total de desempregados receberam subsídios em Julho
Lusa 23 de agosto de 2013 às 20:41

De acordo com os últimos dados disponibilizados na página da Segurança Social (www.seg-social.pt), em Julho beneficiaram de prestações de desemprego 385.628 desempregados, menos 9.281 do que em Junho.

 

Os dados divulgados pelo Eurostat em Julho contabilizavam um total de 923 mil desempregados. Mais de metade destes desempregados (58%) não recebiam qualquer prestação de desemprego.

 

Os números da Segurança Social incluem o subsídio de desemprego, subsídio social de desemprego inicial, subsídio social de desemprego subsequente e prolongamento do subsídio social de desemprego.

 

A maioria das prestações atribuídas a desempregados em Julho referia-se a subsídios de desemprego, um total de 319.265, que no mês anterior era de 326.137 desempregados.

 

O subsídio social de desemprego inicial foi atribuído a 20.740 desempregados, o subsídio social de desemprego subsequente foi atribuído a 45.591 desempregos e o prolongamento do subsídio social de desemprego a 32 desempregados.




Saber mais e Alertas
pub

Marketing Automation certified by E-GOI