Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

BCE mantém juros nos 4% pelo nono mês consecutivo

O Banco Central Europeu (BCE) anunciou, sem surpresas, uma manutenção de juros para a Zona Euro nos 4%. Esta é a nona reunião consecutiva em que a autoridade monetária para a região opta por manter a taxa de juro, resistindo à pressão para a descer.

Sara Antunes saraantunes@negocios.pt 06 de Março de 2008 às 12:46
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

O Banco Central Europeu (BCE) anunciou, sem surpresas, uma manutenção de juros para a Zona Euro nos 4%. Esta é a nona reunião consecutiva em que a autoridade monetária para a região opta por manter a taxa de juro, resistindo à pressão para a descer.

O BCE acabou de anunciar a manutenção de juros nos 4%, nível a que se encontram desde Junho de 2007 (quando a autoridade efectuou o último aumento do preço do dinheiro).

Após esta decisão, o mercado aguarda agora o discurso do presidente do BCE, Jean-Claude Trichet, que será proferido às 13h30, hora de Lisboa. Será importante tentar perceber se o discurso do responsável sofre alterações significativas que façam antever uma alteração da política monetária.

"Não me parece que esteja iminente uma alteração de política", afirmou a economista-chefe do BPI, Cristina Casalinho, ao Jornal de Negócios, adiantando que não prevê "que haja uma alteração significativa no discurso"; apenas uma moderação do mesmo.

A responsável defende que "antes de meados do segundo semestre parece complicada [uma descida de juros], a não ser que os indicadores se deteriorem bastante".

O economista-chefe do Santander, Rui Constantino, partilha desta opinião, afirmando que "o BCE deve iniciar o ciclo de descida de juros em Junho".

Os economistas consultados pela Reuters acreditam, mesmo, que é mais provável que a autoridade monetária intervenha de forma verbal do que recorra a uma descida de juros. Pelo menos, nos próximos meses.

Ver comentários
Outras Notícias