Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

BCE mantém taxa de juro nos 2%

O Banco Central Europeu anunciou a manutenção do preço do dinheiro nos 2%, uma decisão esperada pelo mercado, pois a economia europeia tem vindo a dar sinais de fortalecimento e o petróleo está a provocar uma subida na inflação.

Paulo Moutinho 04 de Agosto de 2005 às 12:54
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

O Banco Central Europeu anunciou a manutenção do preço do dinheiro nos 2%, uma decisão esperada pelo mercado, pois a economia europeia tem vindo a dar sinais de fortalecimento e o petróleo está a provocar uma subida na inflação.

O BCE justifica a não alteração da taxa com a desvalorização do euro, que está a ajudar a exportação dos produtos europeu e com os valores recorde do petróleo que já elevaram a inflação acima do limite de 2%, a meta do BCE para a subida generalizada dos preços.

Apesar da pressão de políticos europeus, como o primeiro-ministro italiano Sílvio Berlusconi e o ministro alemão da Economia e do Trabalho, Wolfgang Clement, para um corte das taxas de juro como forma de acelerar o crescimento económico europeu, que deverá ser de 1,3% este ano, face aos 3,6% previstos EUA.

Há mais de dois anos, desde Maio de 2003, quando o falecido Wim Duisemberg era ainda presidente da autoridade monetária europeia, que o BCE mantém as taxas de juro inalteradas nos 2%, o nível mais baixo dos últimos 50 anos.

Os economistas aguardam que os juros permaneçam neste nível até ao final do ano, antevendo-se uma subida no preço do dinheiro quando se intensificarem os sinais de recuperação da economia europeia e de pressões inflacionaistas.

O euro [EUR] seguia a cotar 1,2327 dólares, a descer 0,09%, depois do anúncio do BCE.

Ver comentários
Outras Notícias