Política Monetária BoE diz que incerteza do Brexit pode levar a corte nos juros

BoE diz que incerteza do Brexit pode levar a corte nos juros

Independentemente de haver ou não um acordo de saída entre Londres e Bruxelas, o banco central inglês sustenta que a incerteza em torno do processo do Brexit poderá levar a cortes na taxa de juro diretora do Reino Unido. Libra recua face ao euro e ao dólar.
BoE diz que incerteza do Brexit pode levar a corte nos juros
Bloomberg
David Santiago 27 de setembro de 2019 às 12:08

Michael Saunders, membro do comité de política monetária do Banco de Inglaterra (BoE), considera que o banco central inglês poderá ter de cortar a taxa de juro diretora do Reino Unido se a incerteza em torno do processo do Brexit persistir.

Saunders acrescenta que mesmo que seja evitado o cenário de Brexit desordenado decorrente de uma saída sem acordo sobre os termos do divórcio, o BoE poderá ainda assim ter de cortar os juros.

"Nesse caso, poderá ser na mesma apropriado manter uma política monetária bastante acomodatícia por um longo período de tempo", afirmou citado pela BBC.

Há uma semana, o banco central inglês notava que a incerteza relativamente à relação Londres-Bruxelas implica que a economia britânica mantenha um desempenho abaixo do seu potencial.

A justificação apresentada para tal necessidade está relacionada com o abrandamento da economia global.  


Os juros britânicos permanecem inalterados em 0,75% desde agosto de 2018, altura em que o BoE decretou uma subida relativamente aos anteriores 0,5%.

A libra segue em queda nos mercados cambiais, estando a perder 0,30% contra o euro para 1,1253 euros e a recuar 0,26% face ao dólar para 1,2296 dólares (transaciona em mínimos de 9 de setembro em relação à moeda norte-americana).




pub

Marketing Automation certified by E-GOI