Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Brasil procura investimento do Japão

O presidente Michel Temer está à procura de investimento no Japão. O primeiro-ministro japonês reconhece a oportunidade de investimento brasileiro.

Reuters
Negócios 19 de Outubro de 2016 às 11:26
  • Assine já 1€/1 mês
  • 2
  • ...

Temer encontra-se actualmente no Japão, na primeira visita do Brasil ao país em 11 anos. Com a viagem o presidente brasileiro pretende reparar as relações entre os dois países, fragilizadas após o cancelamento de duas visitas de Dilma Rousseff, avança a Reuters. O actual presidente vê no Japão uma oportunidade de investimento nos sectores aeroportuário, de gás e petróleo.

 

"Existem cerca de 700 empresas japonesas no Brasil", refere Temer citado pela Reuters. "O objectivo desta viagem é promover o comércio, o investimento e as relações industriais", acrescenta.

 

Shinzo Abe acredita no "grande potencial" do investimento vindo do Brasil, salientando o campo das infra-estruturas. Depois de um encontro com Temer, o primeiro-ministro japonês afirma à Reuters estar pronto para assinar um acordo com o Brasil e dar início às conversações sobre o desenvolvimento de infra-estruturas.

 

Os planos de Temer passam também por trazer até ao mercado japonês produtos brasileiros como carne de vaca e fruta. A importação de carne de vaca fresca do Brasil está bloqueada. Na passada terça-feira, o ministro da Agricultura brasileiro espera impulsionar a quota de mercado destes dois produtos no novo parceiro económico em meados de 2017.

 

No final do ano passado, avança a Reuters, o Japão injectou 23,59 mil milhões de dólares (21,44 mil milhões de euros) em investimentos directos no Brasil.

 

Michel Temer afirma que o Brasil pretende reparar o seu balanço financeiro e cobrir as despesas do Estado. Para tal o presidente salienta a importância do banco central brasileiro na estabilização de preços e no controlo da inflação. Estas declarações surgem após um aviso de que o país poderá seguir os passos na Grécia no sentido de um desastre financeiro se as despesas não forem controladas.

Ver comentários
Saber mais Dilma Rousseff Shinzo Abe Michel Temer
Mais lidas
Outras Notícias