Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Britânicos mais ricos já perdem cerca de 16 mil milhões de dólares este ano

O grupo dos 15 mais ricos, que inclui 14 homens, ainda assim possui uma fortuna combinada de 103 mil milhões de dólares.

Jim Ratcliffe
Reuters
Negócios com Bloomberg 15 de Maio de 2020 às 13:22
  • Assine já 1€/1 mês
  • 1
  • ...

Os 15 britânicos mais ricos já perderam este ano, no conjunto, 16 mil milhões de dólares das respetivas fortunas, numa média de cerca de mil milhões cada.

Jim Ratcliffe (na foto), o homem mais rico do Reino Unido, foi o mais atingido, tendo já visto um corte de 24% na sua fortuna, que fica agora pelos 16 mil milhões de dólares, dizem os dados do Bloomberg Billionaires Index. James Dyson, que enriqueceu com o negócio dos aspiradores, perdeu 2,4 mil milhões e o CEO da Virgin Group, Richard Branson, viu o valor da sua fortuna descer 1,1 mil milhões de dólares, dado o abalo que o setor do turismo tem estado a sofrer com a pandemia.

O grupo dos 15 mais ricos, que inclui 14 homens, ainda assim possui uma fortuna combinada de 103 mil milhões de dólares. A única mulher deste grupo, a empreendedora da área do desporto Denise Coates, é a que está a conseguir um melhor ano: subiu do lugar de 12.ª mais rica, que detinha no final do ano passado, para o atual quinto lugar.

As políticas para fazer frente à pandemia podem levar o Reino Unido a aplicar novas taxas sobre estas fortunas, mas alguns já estarão a precaver-se. Ratcliffe terá mudado a residência para o Mónaco, enquanto Branson está a viver nas Caraíbas.   

Ver comentários
Saber mais Richard Branson Jim Ratcliffe Reino Unido economia negócios e finanças dinheiro ricos
Mais lidas
Outras Notícias