Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Bruxelas revê crescimento em baixa e inflação em alta

A Comissão Europeia prepara-se hoje para rever em baixa as previsões de crescimento para a Zona Euro e, por arrastamento, para a economia portuguesa que, ao contrário do que antecipava o ministro das Finanças, deverá voltar neste ano a crescer menos do qu

Negócios 28 de Abril de 2008 às 00:01
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

A Comissão Europeia prepara-se hoje para rever em baixa as previsões de crescimento para a Zona Euro e, por arrastamento, para a economia portuguesa que, ao contrário do que antecipava o ministro das Finanças, deverá voltar neste ano a crescer menos do que os parceiros europeus, somando sete anos consecutivos de divergência.

Por culpa da tempestade que continua a agitar os mercados financeiros - e que o FMI calcula venha a custar mil milhões de euros à economia global - a Comissão Europeia vai voltar a cortar para valores em torno de 1,6% as suas previsões de crescimento para este ano. Este novo número é menos sombrio do que os 1,4% avançados há duas semanas pelo Fundo.

Mas compara com os 1,8% que eram previstos por Bruxelas ainda em Fevereiro, que, por seu turno, comparam com os 2,2% antecipados em Outubro e com os 2,5% que a Comissão havia inscrito no seu quadro de previsões há precisamente um ano. Ou seja, a degradação da conjuntura internacional estará a roubar quase um ponto percentual ao ritmo de expansão da economia da área do euro.

Outras Notícias