Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Catroga sugere “recomendação forte” às empresas que possam que aumentam salários

Ex-ministro das Finanças considera que, nesta altura, o valor do salário mínimo nacional não deve ser alterado.

39.º- Eduardo Catroga
Presidente do Conselho Superior da EDP mantém poder activo na área empresarial - e não só.
Pedro Elias/Jornal de Negócios
Nuno Carregueiro nc@negocios.pt 13 de Março de 2013 às 13:55
  • Assine já 1€/1 mês
  • 13
  • ...

Eduardo Catroga considera “um erro político” a actual discussão sobre a descida ou subida do valor do salário mínimo nacional, assinalando que as empresas que podem aumentar a remuneração o devem fazer, mas que não pode representar “uma medida geral e universal”, pois “há muitas empresas que também não podem pagar”.

 

O valor do salário mínimo nacional entrou no debate político depois de uma das propostas do Partido Socialista para tirar Portugal da crise passar por um aumento da remuneração. Tal foi rejeitado pelo Governo, com o primeiro-ministro a afirmar mesmo que mais sensato, para reduzir o emprego, seria baixar o valor do salário mínimo.

 

Em entrevista à Antena1, Catroga defendeu que o mais o “mais ajuizado neste momento” é não mexer no valor do salário mínimo (485 euros por mês), mas antes “fazer uma recomendação forte às empresas que possam”, que aumentem o valor dos salários que pagam aos seus trabalhadores. 

Ver comentários
Saber mais salário mínimo Eduardo Catroga
Mais lidas
Outras Notícias