Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Cavaco Silva marca eleições para 4 de Outubro

O Presidente da República decidiu não levar em conta as preferências do PSD, CDS e PS e marcou as eleições para 4 de Outubro, tal como já tinha dado a entender que ia fazer. Cavaco Silva apelou a um Governo maioritário.

A carregar o vídeo ...
Bruno Simões brunosimoes@negocios.pt 22 de Julho de 2015 às 20:40
  • Assine já 1€/1 mês
  • 29
  • ...

As eleições legislativas vão ter lugar no dia 4 de Outubro. O Presidente da República anunciou, ao início da noite, que decidiu marcar o acto eleitoral para este dia, ainda que as preferências dos principais partidos, nomeadamente PSD, CDS e PS, apontassem para o dia 27 de Setembro. O Presidente já tinha indicado que iria optar pelo primeiro domingo de Outubro numa conversa informal com jornalistas.

 

Será, assim, a primeira vez em democracia que as eleições legislativas se realizam a 4 de Outubro, mas será a sexta ocasião em que o acto se realiza no décimo mês do ano (já assim tinha sido em 1980, 1985, 1991, 1995 e 1999).

 

Cavaco Silva não explicou por que razão optou pelo dia 4 de Outubro, ao invés de outro. Mas na conversa informal que teve com jornalistas em Maio, a caminho de uma visita de Estado à Noruega, o Presidente mostrou-se preocupado com a possibilidade de a campanha eleitoral decorrer com os portugueses ainda de férias. Por outro lado, disse que só por uma vez as eleições tinham decorrido em Setembro – em 2009, para não coincidirem com as autárquicas.

 

Isto significa que os partidos terão de apresentar as suas candidaturas no tribunal até ao dia 24 de Agosto (têm que o fazer até ao 41º dia anterior às eleições). A campanha eleitoral oficial inicia-se a 20 de Setembro e decorre até ao dia 2 de Outubro.


Notícia actualizada com mais informação às 21:02

Ver comentários
Saber mais Presidente da República Aníbal Cavaco Silva Portugal Governo política eleições
Mais lidas
Outras Notícias