Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

CGTP diz que decisão era "expectável" e pede demissão do Governo

O secretário-geral da CGTP, Arménio Carlos, considerou hoje que era "expectável" o "chumbo" do Tribunal Constitucional ao diploma que estabelece o corte de 10% nas pensões dos funcionários públicos e que o Governo não tem condições para continuar.

Lusa 19 de Dezembro de 2013 às 21:33
  • Partilhar artigo
  • 25
  • ...

"O Governo não tem qualquer credibilidade, não tem condições para continuar a governar, portanto, deve pedir a demissão", disse Arménio Carlos, acrescentando que já foram muitas as vezes que o executivo violou a Constituição da República.

 

O sindicalista, que falava aos jornalistas numa vigília junto à residência oficial do Presidente da República, em Belém, no âmbito da semana de luta da CGTP, afirmou que "esta decisão também mostra que vale a pena continuar a lutar".

 

"Vale a pena estar hoje aqui. Esta decisão do Tribunal Constitucional é importante, não só para os pensionistas, mas para todos os portugueses", rematou Arménio Carlos.

 

O Tribunal Constitucional "chumbou" hoje o diploma que estabelece o corte de 10% nas pensões de reforma, aposentação e invalidez e nas pensões de sobrevivência da função pública, que suscitou dúvidas ao Presidente da República.

Ver comentários
Saber mais Arménio Carlos Constituição da República
Outras Notícias