Economia China rumo a um crescimento de 6,5%: Reformas ou estímulos?

China rumo a um crescimento de 6,5%: Reformas ou estímulos?

Jonathan Fenby da Trusted Sources e Mike McDonough da Bloomberg falam sobre o potencial impacto económico de a China abandonar a política de filho único e sobre a meta do país de alcançar um crescimento de 6,5% em 2020.
A carregar o vídeo ...
Bloomberg TV 30 de outubro de 2015 às 00:59



Marketing Automation certified by E-GOI