Saúde Concorrência abre processo de investigação à compra do Grupo HPA

Concorrência abre processo de investigação à compra do Grupo HPA

O Grupo Hospital Particular do Algarve adquiriu o Hospital São Gonçalo de Lagos e a Autoridade da Concorrência admite que operação pode resultar em "entraves significativos" à concorrência efetiva no mercado da região.
Concorrência abre processo de investigação à compra do Grupo HPA
Duarte Roriz
Negócios 22 de maio de 2019 às 17:04

A Autoridade da Concorrência (AdC) abriu uma investigação "aprofundada" à aquisição do Hospital São Gonçalo de Lagos (HSGL) pelo Grupo Hospital Particular do Algarve (Grupo HPA).


De acordo com o comunicado divulgado esta quarta-feira, 22 de maio, a AdC tomou esta decisão por suspeitar que a referida "operação de concentração resulte em entraves significativos à concorrência efetiva no mercado, em particular no que se refere à prestação de cuidados de saúde hospitalares por unidades privadas no Algarve, bem como de serviços de consultas médicas em ambulatório nas áreas de influência das unidades clínicas do HSGL".

"A operação de concentração em causa já se encontra implementada desde finais de 2017, tendo o Grupo HPA procedido à sua notificação a 9 de novembro de 2018, na sequência de processo de averiguação instaurado pela AdC" ,refere o comunicado.

À data da sua aquisição, o HSGL detinha uma rede de três clínicas localizadas nas regiões do Algarve e do Litoral Alentejano, ativas na prestação de serviços de consultas médicas em ambulatório pelo que a compra implica "o reforço da posição de líder destacado do Grupo HPA na prestação de cuidados de saúde hospitalares por unidades privadas, na região do Algarve".

Deste processo de investigação, a AdC poderá decidir uma de duas coisas: não se opor à concretização do negócio, se concluir que a operação de concentração "não é suscetível de criar entraves significativos à concorrência nos mercados em causa ou proibir o negócio, se concluir que a operação " é suscetível de criar entraves significativos à concorrência nos mercados em causa".


Neste segundo cenário, a Autoridade da Concorrência refere que o Grupo HPA deverá "adotar as medidas necessárias para que se proceda à reversão do negócio".




pub

Marketing Automation certified by E-GOI