Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Confiança dos consumidores em Portugal atinge mínimo desde Agosto de 1994

O índice que mede a confiança dos consumidores em Portugal atingiu em Junho o valor mais baixo dos últimos oito anos, devido à situação económica do país e perspectivas de aumento do desemprego.

Nuno Carregueiro nc@negocios.pt 09 de Julho de 2002 às 11:02
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...
O índice que mede a confiança dos consumidores em Portugal atingiu em Junho o valor mais baixo dos últimos oito anos, devido à situação económica do país e perspectivas de aumento do desemprego.

O índice elaborado pelo INE atingiu em Junho os 38 pontos negativos, contra os 34 negativos registados em Maio, anunciou hoje o Instituto Nacional de Estatística.

«À semelhança do mês anterior, o resultado obtido em Junho é devido ao comportamento negativo de todas as suas componentes, em particular das opiniões sobre a futura situação económica do país e das perspectivas de aumento do desemprego», revela o relatório do INE.

O índice que mede as perspectivas para os próximos 12 meses também desceu de 38 para 40 pontos negativos em Junho.

Na semana passada o Banco de Portugal fez um cenário «negro» da economia nacional, perspectivando uma quebra do crescimento do PIB para 0,5% este ano e uma subida do desemprego para os 5% em 2002 e 2003.

Portugal vai crescer abaixo da média da UE este ano e no próximo e o Governo está a implementar um plano de corte na despesa pública para equilibrar as contas públicas em 2004.

Estes dados são divulgados no dia em que o Governo discute com os deputados da Assembleia da República o Estado da Nação, onde o cenário de crise do país será o principal tema a ser discutido.

O primeiro ministro Durão Barroso e o seu Governo têm sido criticados pelos analistas políticos de terem optado por um discurso pessimista acerca da evolução da economia do país, que afectou a confiança dos consumidores.

Outras Notícias