Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Confiança dos consumidores portugueses diminui de "forma expressiva" em Outubro

O indicador de confiança dos consumidores portugueses diminuiu de forma expressiva em Outubro, interrompendo a tendência de recuperação que estava a registar. Entre os empresários a confiança também diminuiu.

Alexandra Noronha anoronha@negocios.pt 28 de Outubro de 2010 às 10:06
  • Partilhar artigo
  • 5
  • ...
O indicador de confiança dos consumidores portugueses diminuiu de forma expressiva em Outubro, interrompendo a tendência de recuperação que estava a registar. Entre os empresários a confiança também diminuiu.

O INE assinala que a queda na confiança dos consumidores contraria "a recuperação observada nos dois

meses anteriores, após ter apresentado um movimento

descendente acentuado desde Novembro de 2009.


O Instituto assinala mesmo que a "forte diminuição" verificada em Outubro foi "a mais expressiva da série iniciada em Junho de 1986".

No mês de referência, segundo o INE “observaram-se agravamentos dos indicadores deconfiança em todos os sectores, Indústria Transformadora, Construção e Obras Públicas, Comércio e Serviços”.

O indicador de confiança da Indústria Transformadora interrompeu a trajectória ascendente iniciada em Março de 2009, devido ao contributo negativo “de todas as componentes opiniões sobre a procura global, apreciações relativas aos stocks de produtos acabados e perspectivas de produção, mais forte no último caso”.

Por sua vez, o indicador de confiança das Obras Públicas continuou a trajectória descendente “iniciada em Agosto de 2009, atingindo o valor mais baixo desde Julho de 2003.

A diminuição do indicador nos últimos dois meses resultou do agravamento registado em ambas as componentes, opiniões sobre a carteira de encomendas e perspectivas de emprego, mais intenso no segundo caso”.

Também o Comércio e Retalho estão em queda, bem como os Serviços.
Ver comentários
Outras Notícias