Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Conselho de Segurança da ONU condena lançamento de missil da Coreia do Norte

O Conselho de Segurança das Nações Unidas condenou esta segunda-feira o último lançamento de um míssil feito pela Coreia do Norte no domingo e pediu sanções ao "comportamento altamente desestabilizador" de Pyongyang.

O pior país dos 180 analisados sobre liberdade de imprensa é a Coreia do Norte, segundo a Repórteres Sem Fronteiras.
Lusa 16 de Maio de 2017 às 00:59
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

Numa declaração unânime, apoiada inclusivamente pela China, aliada da Coreia do Norte, o Conselho pede a Pyongyang que mostre de imediato o seu "empenho sincero na desnuclearização através de acções concretas".

 

A declaração surge um dia depois de o regime da Coreia do Norte ter feito um teste de míssil balístico descrito pelo regime comunista como sendo "capaz de transportar uma grande e poderosa ogiva nuclear".

 

Os 15 membros do Conselho também pediram a Pyongyang para não fazer novos testes de mísseis nucleares e balísticos.

 

A adopção da declaração, proposta por Washington, acontece na véspera de uma reunião do Conselho à porta fechada, novamente pedida pelos Estados Unidos e pelo Japão, para discutir a questão.

 

A Coreia do Norte, que tem como objectivo lançar um ataque nuclear em solo norte-americano, já é alvo de numerosas sanções do Conselho de Segurança da ONU.

 

Na declaração, o Conselho compromete-se a por em prática as medidas impostas contra a Coreia do Norte e apela "firmemente" a outros países para fazerem o mesmo.

 

E expressa a "profunda preocupação " com o comportamento "altamente desestabilizador, e a atitude de desafio flagrante e provocante" de Pyongyang no que diz respeito ao Conselho de Segurança.

Ver comentários
Saber mais China Coreia do Norte Japão Pyongyang Conselho de Segurança da ONU Washington Estados Unidos política política nuclear
Mais lidas
Outras Notícias