Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Controlo de corrupção em Portugal pior do que em Espanha em 2006

O controlo da corrupção em Portugal é mais baixo do que em Espanha, revela um estudo divulgado hoje pelo Banco Mundial. No entanto, quando comparado com o conjunto de 212 países analisados, até acaba por ficar colocado nos lugares cimeiros da classificaçã

Vítor Teixeira vteixeira@mediafin.pt 10 de Julho de 2007 às 17:05
  • Partilhar artigo
  • ...

O controlo da corrupção em Portugal é mais baixo do que em Espanha, revela um estudo divulgado hoje pelo Banco Mundial. No entanto, quando comparado com o conjunto de 212 países analisados, até acaba por ficar colocado nos lugares cimeiros da classificação.

Em 2006, a capacidade de controlo de corrupção de Portugal foi pior que a dos Estados Unidos, mas conseguiu superar em larga escala a Grécia, revela a instituição internacional.

Este estudo debruça-se sobre 212 países e analisa os índices de "governance" a nível mundial. Este é composto por seis dimensões: liberdade de expressão e grau de democratização, estabilidade e ausência de violência política, eficácia governamental, qualidade reguladora, estado de direito e controlo da corrupção.

Tanto a nível de índice de "governance" como ao controlo de corrupção individualmente considerado, Portugal apresenta-se no grupo dos E.U.A e de Espanha com índices de corrupção sem diferenças de grande escala para com estes. Itália e Grécia surgem no terceiro grupo apresentando piores estimativas nestas duas componentes.

A nível global, países como a Finlândia, Islândia, Luxemburgo, Noruega, Nova Zelândia e Suíça apresentam-se no primeiro grupo e demonstram os melhores índices de "governance".

No extremo oposto, com piores práticas de "governance" é possível encontrar países como a Somália, o Iraque e a República Democrática do Congo.

Ver comentários
Outras Notícias