Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Corte salarial chega aos assessores de Belém e das regiões

Redução aplicada aos detentores de cargos políticos é estendida aos gabinetes que os coadjuvam.

António Larguesa alarguesa@negocios.pt 22 de Julho de 2010 às 00:01
Os assessores da Presidência da República e dos Governos Regionais da Madeira e dos Açores vão também sofrer um corte excepcional de 5% nos salários, uma medida que já era certa para os membros dos gabinetes do Governo, das Câmaras Municipais e dos Governos Civis.

Na última sessão plenária antes das férias parlamentares, todos os partidos da oposição vão voltar a unir-se, desta vez em aprovação final global, para aprovar esta medida que replica os cortes aplicados anteriormente aos detentores de cargos políticos e que os próprios grupos parlamentares assumem ter um carácter mais “simbólico” do que significativos efeitos orçamentais.









logo_empresas

Ver comentários
Outras Notícias
Publicidade
C•Studio