Economia António Costa falha primeiro acordo salarial na era pós-geringonça
Conteúdo exclusivo para Assinantes Se já é assinante, faça LOGIN

António Costa falha primeiro acordo salarial na era pós-geringonça

O salário mínimo vai aumentar 5,8% para 635 euros em 2020, sem acordo de concertação social, facto que o Governo desvaloriza. Mas se houve desacordo sobre o salário mínimo, qual é a base para o anunciado entendimento sobre os restantes salários? Executivo ainda não explicou, mas promete rapidez e contrapartidas.
António Costa falha primeiro acordo salarial na era pós-geringonça
Mário Cruz/Lusa
Catarina Almeida Pereira 13 de novembro de 2019 às 23:10

Se Passos Coelho queria ir além da troika, António Costa diz que quer ir além dos aumentos do salário mínimo da chamada geringonça. O Governo anunciou esta quarta-feira em concertação social um aumento

Conteúdo exclusivo para Assinantes Negócios Premium
Assine e aceda sem limites, no pc e no smartphone Assinar por 1€ por 1 mês



Notícias só para Assinantes
Análise, informação independente e rigorosa..
Para saber o que se passa em Portugal e no mundo, nas empresas, nos mercados e na economia.
Notícias e conteúdos exclusivos no website e aplicações móveis
Newsletter diária exclusiva para assinantes
Acesso ao epaper a partir das 23:00
Saiba mais
Saber mais e Alertas
pub

Marketing Automation certified by E-GOI