Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Crédito à habitação desacelera em Outubro

O crédito à habitação a particulares desacelerou no mês de Outubro, a contrariar a tendência verificada nos últimos meses. Por outro lado, os empréstimos bancários ao sector não monetário cresceram 6,9% face ao mês anterior.

Sara Antunes saraantunes@negocios.pt 17 de Dezembro de 2004 às 15:07
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

O crédito à habitação a particulares desacelerou no mês de Outubro, a contrariar a tendência verificada nos últimos meses. Por outro lado, os empréstimos bancários ao sector não monetário cresceram 6,9% face ao mês anterior.

A desaceleração do crédito a particulares ocorreu nos dois segmentos, para aquisição de habitação, onde a taxa de crescimento foi de 11,2%, contra os 11,5% de Setembro, e para o consumo e outros fins, que de 4,2% passou para 3,4%, no mês em análise, de acordo com os indicadores de conjuntura divulgados hoje pelo Banco de Portugal.

A taxa de variação anual dos empréstimos bancários ao sector não monetário, excluindo administrações públicas, foi de 6,9%, 0,3 pontos percentuais (p.p.) acima do valor de Setembro.

No sector privado não financeiro a taxa de variação anual dos empréstimos bancários foi de 6,8%, o que compara com um crescimento de 6,5% no mês anterior, enquanto nos créditos a instituições financeiras não monetárias aumentou 9,0%, face a uma evolução positiva de 6,8% em Setembro.

No sector privado não financeiro registou-se evoluções diferentes nas suas componentes. A evolução da taxa de empréstimos a sociedades não financeiras avançou 1,1 p.p. para 3,6%, a taxa de variação de crédito a particulares caiu 0,5 p.p. para 9,5%.

Outras Notícias