Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Défice orçamental vai subir para 3,9% este ano

O Governo vai interromper a consolidação orçamental e deixar o défice aumentar para 3,9% do produto interno bruto este ano, anunciou o ministro das Finanças. Teixeira dos Santos justificou este aumento com a deterioração das condições macroeconómicas.

Maria João Soares mjsoares@negocios.pt 16 de Janeiro de 2009 às 19:53
  • Assine já 1€/1 mês
  • 16
  • ...
O Governo vai interromper a consolidação orçamental e deixar o défice aumentar para 3,9% do produto interno bruto este ano, anunciou o ministro das Finanças. Teixeira dos Santos justificou este aumento com a deterioração das condições macroeconómicas.

O défice orçamental português deverá aumentar para 3,9% do PIB, este ano, contra 2,2%, em 2008, anunciou Teixeira dos Santos que justificou a interrupção dos esforços de consolidação orçamental com “a deterioração das condições macroeconómicas” e os efeitos das medidas anti-crise já aprovadas.

Teixeira dos Santos diz que a subida do défice resulta dos “encargos adicionais devidos ao aumento previsto do desemprego e a uma quebra nas receitas”, explicou após o Conselho de Ministros extraordinário realizado hoje.

O Governo estima o regresso à consolidação das contas públicas em 2010, com o défice a diminuir para 2,9%. Em 2011 o objectivo é reduzir para 2,3%.

O Executivo prevê um agravamento da dívida pública até 69,7% do PIB em 2009, acima dos 65,9% estimados na proposta de OE para este ano.



Ver comentários
Outras Notícias