Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Défice comercial dos EUA cresce 4,5% em Setembro

O défice da balança comercial dos EUA cresceu em Setembro pela primeira vez desde Março, ao evoluir 4,5%, com a retoma na maior economia do mundo a levar a um aumento das compras de automóveis, bens de consumo e equipamentos, anunciou hoje o Departamento

Ricardo Domingos rdomingos1@gmail.com 13 de Novembro de 2003 às 13:46
  • Partilhar artigo
  • ...

O défice da balança comercial dos EUA cresceu em Setembro pela primeira vez desde Março, ao evoluir 4,5%, com a retoma na maior economia do mundo a levar a um aumento das compras de automóveis, bens de consumo e equipamentos, anunciou hoje o Departamento do Comércio.

A diferença entre as exportações e as importações atingiu os 41,3 mil milhões de dólares (35,3 mil milhões de euros), acima dos 39,5 mil milhões de dólares (33,78 mil milhões de euros) registados em Agosto.

O défice com a China atingiu um recorde de 12,7 mil milhões de dólares (10,86 mil milhões de euros), devido ao maior crescimento das importações com aquele país.

Os gastos dos consumidores aumentaram, no terceiro trimestre do ano, ao ritmo mais elevado dos últimos seis anos, impulsionando a maior evolução do PIB desde 1984 durante aquele período.

O défice atingiu o valor mais alto de sempre em Março passado nos 43 mil milhões de dólares (36,77 mil milhões de euros), depois de ter superado a marca dos 40 mil milhões de dólares pela primeira vez em Dezembro passado.

Os analistas previam um défice de 40,4 mil milhões de dólares (34,54 mil milhões de euros). As importações cresceram 3,3%, enquanto as exportações evoluíram a uma taxa de 2,8%.

Ver comentários
Outras Notícias