Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Défice externo americano diminui no terceiro trimestre contra expectativas

O défice externo americano registou, no terceiro trimestre e pela primeira vez no ano, uma queda, contra as expectativas dos economistas, de 0,47% para os 127 mil milhões de dólares (125,9 mil milhões de euros).

Joaquim Madrinha 12 de Dezembro de 2002 às 14:35
  • Partilhar artigo
  • ...
O défice externo americano registou, no terceiro trimestre e pela primeira vez no ano, uma queda, contra as expectativas dos economistas, de 0,47% para os 127 mil milhões de dólares (125,9 mil milhões de euros).

Os números da Balança de Transacções Correntes (BTC) norte-americana contrastam com os 127,6 mil milhões de dólares (126,5 mil milhões de euros) contabilizados no trimestre anterior, segundo dados do Departamento do Comércio.

Os economistas, citados pelas agências internacionais, esperavam um aumento do défice para os 132 mil milhões de dólares (130,9 mil milhões de euros).

Para que o dólar se mantenha estável, a economia norte-americana tem que atrair diariamente cerca de 1,4 mil milhões de dólares (1,38 mil milhões de euros) de forma a que a balança de capitais compense o défice crescente da Balança Comercial (BC).

No que diz respeito à BC, é provável que o défice se venha a deteriorar, pois as importações continuam a crescer mais rapidamente que as exportações.

«Pode-se sustentar um défice durante algum tempo mas, se a situação se manter no longo prazo pode constituir um sério problema» diz Lara Rhame, economista da Brown Brothers Harriman, citada pela Bloomberg.

Nos últimos doze meses, o défice externo norte americano foi equivalente a 4,5% do Produto Interno Bruto (PIB). Em 2001, o défice representava 3,9% do PIB.

Ver comentários
Outras Notícias