Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Director de impostos critica informática das Finanças

A informação sobre cobranças, prescrições e substituições que o Estado presta semestralmente aos investidores que compraram as obrigações associadas aos créditos fiscais e da Segurança Social titularizados em 2003 não é fiável.

Rui Peres Jorge rpjorge@negocios.pt 28 de Dezembro de 2007 às 00:02
  • Partilhar artigo
  • ...

A informação sobre cobranças, prescrições e substituições que o Estado presta semestralmente aos investidores que compraram as obrigações associadas aos créditos fiscais e da Segurança Social titularizados em 2003 não é fiável.

Quem o diz é o actual director geral dos impostos numa auditoria que finalizou em Julho deste ano, ainda antes de tomar o controlo da DGCI. Entre as críticas, o relatório final aponta directamente à DGITA, a informática do Fisco.

Outras Notícias