Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Dublin aberta a ajuda externa para recapitalizar a banca

A Irlanda não precisa de fundos para financiar as políticas públicas até Junho. Ajuda externa serviria para tapar "buraco" sem fundo na banca e serenar os mercados.

Eva Gaspar egaspar@negocios.pt 16 de Novembro de 2010 às 00:01
  • Partilhar artigo
  • ...
Quando foi a vez da Grécia, Atenas pediu e Berlim resistiu . Desta feita, os papéis inverteram-se para contrariar o que é o "normal". É a Alemanha, apoiada pelo Banco Central Europeia (BCE), que está a pressionar a Irlanda a aceitar ajuda externa, temendo que a nova vaga de pânico entre os investidores volte a atear o "fogo" em Espanha, chegue a Itália e condene irremediavelmente o euro - e é Dublin que ainda resiste. Hoje, deverá clarificar de vez a sua posição.

Os efeitos deste desencontro de vontades estão, para já, a ser os mesmos que se observaram nas semanas em que Berlim arrastou os pés na ajuda à Grécia. As taxas de juro subjacentes às obrigações irlandesas aliviaram ligeiramente dos máximos de quase 9% atingidos na semana passada, mas continuam colados a um patamar insustentável de 8%, e a puxar pelos custos de financiamento dos países da periferia do euro, em particular os de Portugal.









logo_empresas

Ver comentários
Saber mais Irlanda banca
Outras Notícias