Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Economia do Reino Unido cresce 2,3% em 2003

A economia do Reino Unido cresceu 2,3% em 2003, impulsionada pelo aumento das exportações de serviços e do consumo privado. Esta taxa de crescimento é a mais elevada desde 2000.

Ruben Bicho rbicho@mediafin.pt 25 de Fevereiro de 2004 às 12:49
  • Partilhar artigo
  • ...

A economia do Reino Unido cresceu 2,3% em 2003, impulsionada pelo aumento das exportações de serviços e do consumo privado. Esta taxa de crescimento é a mais elevada desde 2000 e superou as estimativas do governo britânico, que apontavam para um avanço de 2,1%.

O Produto Interno Bruto (PIB) do Reino Unido cresceu 0,9% no último trimestre do ano e 2,8% em relação ao período homólogo de 2002, um ritmo que já não se registava desde o último trimestre de 2000.

O aumento do consumo privado e o crescimento da exportação de serviços relacionados com comunicação e seguros terão contribuído decisivamente para o crescimento da economia britânica, sobretudo no último trimestre do ano.

Durante os últimos quatro meses o Banco de Inglaterra subiu por duas vezes as taxas de juro, num sinal de que a economia está a avançar, e os analistas contactados pela Bloomberg esperam que haja mais um aumento em Maio, altura em que a instituição irá anunciar previsões de crescimento e inflação.

«A economia está sem dúvida a crescer acima do esperado. Decididamente vamos ver o banco central a aumentar as taxas de juro a partir de agora», afirmou Stuart Block, economista da Schroders, citado pela Bloomberg.

Este mês o Banco de Inglaterra reviu em alta as suas estimativas de crescimento para 2004, avançando com um valor de 3,5% de aumento do PIB. Para 2005 a instituição prevê um crescimento de 3%. Valores que ficam acima da marca de 2,5% estabelecida pelo Governo para que a inflação permaneça estável.

Ver comentários
Outras Notícias