Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Economia dos EUA está a crescer a um “ritmo mais reduzido”

A economia norte-americana "continuou a expandir-se" entre Outubro e meados de Novembro "mas a um ritmo reduzido" revelo livro bege da Reserva Federal (Fed). O relatório da autoridade monetária revela ainda que os retalhistas estão "pessimistas" em relaçã

Sara Antunes saraantunes@negocios.pt 28 de Novembro de 2007 às 19:18
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

(Correcção: substitui "ritmo reduzido" por "ritmo mais reduzido")

A economia norte-americana "continuou a expandir-se" entre Outubro e meados de Novembro "mas a um ritmo mais reduzido" revelo livro bege da Reserva Federal (Fed). O relatório da autoridade monetária revela ainda que os retalhistas estão "pessimistas" em relação às vendas do final do ano.

"A economia nacional continuou a expandir-se durante o período de Outubro até meados de Novembro mas a um mais ritmo reduzido" revela o banco central norte-americano, que reflecte inquérito realizados às indústrias e que espelham a evolução económica, citado pela Bloomberg.

Entre as 12 regiões "sete revelaram um ritmo brando de actividade económica" e cinco dos bancos centrais do país apontaram para "uma expansão ou condições mistas".

A publicação deste relatório surge no mesmo dia em que o vice-presidente da Reserva Federal (Fed) dos EUA, Donald Kohn, afirmou que a recente "turbulência elevada deve persistir" e nesse caso deverá verificar-se um "possível aumento do aperto das condições financeiras para as famílias e empresas" disse Donald Kohn num discurso no Conselho de Relações Externas, em Nova Iorque, citado pela Bloomberg.

As declarações do vice-presidente e o relatório reflectem um aumento dos riscos para o crescimento económico norte-americano e em consequência a possibilidade da autoridade monetária optar por novos cortes das taxas de juro.

Outras Notícias