Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Emprego está de novo a subir na Administração Pública

Chegou ao fim a era de redução de funcionários públicos? Os números da DGAEP, divulgados esta sexta-feira, sugerem que sim. Pela primeira vez, houve um aumento em dois trimestres consecutivos que se saldou numa subida de 1,5% do emprego público.

Bruno Simão/Negócios
Manuel Esteves mesteves@negocios.pt 15 de Maio de 2015 às 12:48
  • Assine já 1€/1 mês
  • 21
  • ...

Depois de quatro anos de forte aperto das contratações na Administração Pública que se traduziu numa redução nunca vista do número de funcionários, o emprego público volta agora a crescer. Pela primeira vez, desde a chegada da troika ao País, registou-se um aumento do número de funcionários públicos em dois trimestres consecutivos.

 

Segundo dados da Direcção-Geral da Administração e Emprego Público (DGAEP), o universo de trabalhadores das administrações pública alargou-se em 9.611 nos últimos dois trimestres, o que representa um acréscimo de 1,5% face ao universo registado no final do terceiro trimestre do ano passado. 

 

Este aumento vem romper com a tendência de redução sustentada do número de funcionários públicos que muita polémica gerou, pelos efeitos provocados ao nível dos serviços públicos, particularmente na Saúde e Educação. Segundo a Síntese Estatística de Emprego Público (SIEP) relativa ao primeiro trimestre do ano, há agora 656,8 mil funcionários públicos, menos 10% do que no último trimestre de 2011. São menos 70,5 mil empregos, uma redução que ficou sobretudo a dever-se à saída de funcionários para aposentação, que não foram substituídos.

 

A quebra foi mais acentuada no subsector dos Fundos da Segurança Social, mas sem grande expressão em termos de número. Decisiva mesmo foi a redução operada na Administração Regional e Local, onde a redução, face ao final de 2011, foi de 15 mil funcionários (9,4%) e, sobretudo, no Estado central, onde se registou uma descida líquida de 52 mil (9,5%).

 

É precisamente na Administração Central que agora se regista uma recuperação do nível de emprego, com um crescimento de 0,4%. Em todas as restantes administrações (com excepção dos Açores), repete-se a tendência de ligeira quebra do número de funcionários. 

 

(Notícia actualizada às 13h00)

Ver comentários
Saber mais funcionários públicos Administração Pública emprego Direcção-Geral da Administração e Emprego Público DGAEP
Mais lidas
Outras Notícias