Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Emprego na indústria cai 4,8% em Julho

O emprego na indústria caiu 4,8% em Julho face a igual período do ano anterior, as remunerações caíram 2,3% e as horas trabalhadas apresentaram uma descida de 6% face ao mês homólogo, revelou o Instituto Nacional de Estatística (INE).

Ana Filipa Rego arego@negocios.pt 01 de Setembro de 2005 às 15:00
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

O emprego na indústria caiu 4,8% em Julho face a igual período do ano anterior, as remunerações caíram 2,3% e as horas trabalhadas apresentaram uma descida de 6% face ao mês homólogo, revelou o Instituto Nacional de Estatística (INE).

Segundo a mesma fonte, relativamente ao emprego, todos os Grandes Agrupamentos Industriais apresentaram descidas «menos acentuadas» que as observadas em Junho, excepto o de «Bens de Investimento» (queda de 5,1%), que registou uma variação mais negativa em 1,3 pontos percentuais. Face ao mês anterior, o emprego na indústria desceu 0,2%. A variação média nos últimos 12 meses manteve-se negativa (diminuição de 4,2%).

Relativamente às remunerações, os agrupamentos de «Bens de Consumo» (menos 1,3 pontos percentuais) e de «Bens de Investimento» (menos 0,8 pontos percentuais) foram os que mais contribuíram para o comportamento negativo do índice geral.

Em relação ao mês anterior, as remunerações registaram um aumento de 7,9%, «continuando a reflectir o pagamento de subsídios de férias», explica o INE acrescentando que a variação média nos últimos 12 meses foi negativa de 1,6%.

A mesma fonte acrescentou que as horas trabalhadas na indústria apresentaram uma descida de 6% face ao mesmo mês do ano anterior, com todos os agrupamentos industriais a apresentarem variações negativas «mais acentuadas» que as observadas em Junho. Comparativamente ao mês anterior, o volume de trabalho na indústria registou um decréscimo de 0,4%  a variação média nos últimos 12 meses (queda de 4,8%) «foi mais desfavorável pelo quinto mês consecutivo».

Ver comentários
Outras Notícias