Conjuntura Espanha contraiu mais em 2012 do que o inicialmente reportado

Espanha contraiu mais em 2012 do que o inicialmente reportado

O produto interno bruto (PIB) de Espanha encolheu 1,6% no ano passado, de acordo com os dados divulgados esta terça-feira pelo instituto de estatística de Espanha. O INE também reviu os dados de 2011, apontando para um crescimento inferior ao antecipado.
Espanha contraiu mais em 2012 do que o inicialmente reportado
Sara Antunes 27 de agosto de 2013 às 11:11

O PIB espanhol contraiu 1,6%, em 2012, de acordo com os dados actualizados publicados esta terça-feira pelo INE. Este número corresponde a uma revisão em baixa, já que os dados apontavam para que a economia tivesse contraído 1,4% no ano passado, segundo a imprensa internacional.

 

Mas as actualizações não ficaram apenas por 2012. Os dados divulgados revelam que a economia espanhola cresceu 0,1% e não 0,4% como revelado anteriormente.

 

A Bloomberg realça que o PIB de 2010 e 2009 também foram revistos. Em 2010, a economia terá contraído 0,2%, em vez de 0,3%. E em 2009, a contracção terá sido de 3,8% e não de 3,7%.

 

A agência de informação adianta que os dados referentes a 2009 são já definitivos, sendo que 2010 e 2011 ainda são provisórios e podem sofrer alterações. Os números de 2012 referem-se a estimativas do INE.

 

Os dados mais recentes revelam que a queda da economia espanhola está a abrandar. Segundo os dados divulgados pelo Eurostat, Espanha contraiu 0,1% no segundo trimestre do ano, quando comparado com os primeiros três meses do ano. E vários responsáveis políticos já vieram reagir aos números e revelar as suas previsões: a economia espanhola está já a recuperar e ainda este ano deverá apresentar um crescimento em cadeia.




Marketing Automation certified by E-GOI