Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Euribor renovam descidas na generalidade das maturidades

Após os fortes avanços registados no início do ano pelas taxas interbancárias, agora a tendência é de descida. A queda poderá estar a ser influenciada pelo facto de três maturidades estarem acima de 1,5%, a taxa de juro esperada pelos analistas para Julho.

Andreia Major amajor@negocios.pt 30 de Maio de 2011 às 10:45
  • Partilhar artigo
  • ...
As Euribor continuam a renovar quedas na generalidade dos prazos e, nas maturidades mais longas, as taxas já não sobem há seis sessões.
As taxas interbancárias estão a aliviar dos fortes ganhos que registaram nos meses anteriores, porém a expectativa continua a ser de subida da taxa de juro de referência.

O Banco Central Europeu aumentou, em Abril, a taxa de juro para 1,25%, e grande parte dos economistas antecipam um novo progresso da taxa em Julho. Anteriormente esperava-se que a subida ocorresse em Junho, porém Trichet afastou essas expectativas com as suas declarações.

Espera-se então que a taxa de juro aumente para 1,5% em Julho. Actualmente, já três maturidades estão consideravelmente acima deste valor, o que poderá ter conduzido as Euribor a desvalorizar nos últimos dias.

No curto prazo, a taxa a um mês está a perder hoje 0,2 pontos base para se fixar nos 1,23%. A maturidade permanecesse inalterada nos 1,43%.

A Euribor a seis meses cai hoje 0,3 pontos base para 1,705%, beneficiando assim quem possui crédito á habitação.

A tendência de descida verifica-se também no longo prazo, com a taxa a nove e doze meses a perderem, ambas, 0,3 pontos base. A nove meses a taxa está a fixar-se nos 1,925%, e a doze meses está nos 2,132%.

Ver comentários
Saber mais Euribor BCE taxas de juro
Outras Notícias