Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Euro em alta depois de aumento das previsões de inflação

A moeda única da Zona Euro seguia a valorizar depois da Comissão Europeia anunciar que a inflação deverá atingir os 3,2%, este ano, valor que é superior à previsão inicialmente divulgada.

Lara Rosa lararosa@negocios.pt 28 de Abril de 2008 às 12:14
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

A moeda única da Zona Euro seguia a valorizar depois da Comissão Europeia anunciar que a inflação deverá atingir os 3,2%, este ano, valor que é superior à previsão inicialmente divulgada.

O euro [eur] seguia a valorizar 0,20% para os 1,5662 dólares a beneficiar da revisão em alta da Comissão Europeia para a inflação.

A Comissão Europeia divulgou hoje que a inflação na Zona Euro deverá atingir os 3,2% em 2008k e não os 2,6% que tinham sido previstos inicialmente.

O valor agora divulgado afasta-se ainda mais da meta de 2% definida pelo Banco Central Europeu (BCE) o que aumenta as expectativas de adopção de politicas de controlo da subida dos preços como é o caso da subida de juros.

Jean-Claude Trichet, presidente da autoridade monetária da Zona Euro voltou a frisar as preocupações com a inflação uma vez que "é crucial que o conselho de governadores defina a política monetária apropriada sem outras considerações do que conduzir à estabilidade de preços no médio termo", de acordo com a Bloomberg.

A inflação tem sido o principal motivo para o BCE não cortar a taxa de juro de referência na Zona Euro contrariamente à politica adoptada pela Reserva Federal (Fed) e pelo Banco de Inglaterra.

A autoridade norte-americana, desde Setembro já procedeu a seis cortes de juros, dos 5,25% para os actuais 2,25% enquanto que o BoE cortou a sua taxa de referência por três vezes desde Dezembro para os 5%, que estão em vigor actualmente.

Caso se verifique um aumento dos juros na Zona Euro, os investimentos denominados em euro tornam-se mais atractivos uma vez que o seu retorno será mais elevado que os investimentos em dólares. Assim a procura da moeda única da Zona Euro aumenta o que leva à sua valorização face á moeda norte-americana.

Outras Notícias