A carregar o vídeo ...
Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Explode carrinha armadilhada em Madrid depois de aviso da ETA

Uma carrinha armadilhada explodiu hoje na região do Campo das Nações, em Madrid, sem provocar vítimas, depois de ter sido lançado um aviso em nome da organização terrorista ETA, confirmaram fontes policiais.

Negócios com Lusa 09 de Fevereiro de 2009 às 09:56
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...
Uma carrinha armadilhada explodiu hoje na região do Campo das Nações, em Madrid, sem provocar vítimas, depois de ter sido lançado um aviso em nome da organização terrorista ETA, confirmaram fontes policiais.

O carro armadilhado explodiu pouco depois das 09:00 locais (menos uma hora em Lisboa) na rua Ribera de Loira, na zona leste da cidade, cerca de 90 minutos depois de um homem, que se identificou como sendo da ETA, ter feito um aviso da sua colocação, para a Cruz Vermelha.

Uma coluna de fumo é visível na zona da explosão, à frente da sede da empresa Ferrovial-Agroman, uma das empresas envolvidas na construção da ligação da rede de alta velocidade ferroviária ao País Basco.

Juan José Guemes, conselheiro de saúde do governo regional madrileno, saudou já a rapidez de actuação das forças de segurança, o que, disse à televisão Telecinco, permitiu "evitar um massacre" na capital espanhola.

A explosão, que se pôde ouvir em toda a zona leste da cidade, ocorreu em frente à sede da construtora Ferrovial Agromán, onde a policia tinha encontrado - depois do aviso - uma carrinha suspeita.

O aviso foi recebido pelo centro de coordenação da Cruz Vermelha, em Madrid, que por sua vez alertou a polícia, a qual montou de imediato uma operação alargada na zona.

O trânsito foi condicionado e vários edifícios foram evacuados, o que está a causar grandes engarrafamentos nas zonas de acesso ao Centro de Feiras de Madrid (IFEMA), localizado na zona do Campo das Nações.

É a segunda vez que a ETA comete um atentado no Campo das Nações.

Ver comentários
Outras Notícias