Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Fed promete manter juros em mínimo histórico mais dois anos (act)

À ameaça de uma nova recessão na maior economia do mundo, o banco central responde com a promessa de juros perto de zero até, pelo menos, meados de 2013.

Nuno Carregueiro nc@negocios.pt 09 de Agosto de 2011 às 19:24
A Reserva Federal dos Estados Unidos decidiu hoje que a taxa de juro do país vai continuar em mínimo histórico até meados de 2013, uma medida que visa ajudar a economia do país a não cair numa recessão.

A decisão era muito aguardada em Wall Street, dadas das fortes quedas sentidas nos últimos dias, devido aos receios dos investidores que a maior economia do mundo caminha para uma nova recessão.

O Comité de Política Monetária da Fed antecipa que as condições da economia norte-americana “justificam níveis excepcionalmente baixos” para a taxa de juro do país “pelo menos até meados de 2013”.

Com uma taxa de juro perto de zero desde Dezembro de 2008, os Estados Unidos terão assim o preço do dinheiro em mínimos históricos durante cerca de cinco anos. Foi assim esta a ferramenta que a Fed considerou apropriada para combater os receios de que a economia norte-americana caia numa nova recessão.

A decisão não foi contudo unânime, já que três membros da Fed preferiam manter a expressão de que o banco central manteria os juros em níveis mínimos por um “período alargado”

No comunicado que acompanha a decisão, a Fed reconhece que a evolução da economia norte-americana este ano está abaixo do que o banco central tinha antecipado. Além disso, os últimos indicadores “sugerem uma deterioração no mercado de trabalho nos últimos meses e a taxa de desemprego aumentou”.

A Fed espera assim que nos próximos trimestres a economia norte-americana registe um abrandamento no seu crescimento, assinalando que os riscos negativos aumentaram.
Ver comentários
Saber mais Fed juros
Outras Notícias
Publicidade
C•Studio