Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Ferreira Leite diz 40% da receita de perdão fiscal corresponde a IRC

A ministra de Estado e das Finanças, Ferreira Leite divulgou que cerca de 40% das receitas de 1,1 mil milhões de euros resultantes do perdão fiscal corresponderam a IRC, imposto sobre empresas e empresários.

Ana Torres Pereira atp@negocios.pt 07 de Janeiro de 2003 às 14:33
  • Partilhar artigo
  • ...
A ministra de Estado e das Finanças, Ferreira Leite divulgou que cerca de 40% das receitas de 1,1 mil milhões de euros resultantes do perdão fiscal corresponderam a IRC, imposto sobre empresas e empresários.

À margem da comissão parlamentar de Economia e Finanças, Manuela Ferreira Leite reiterou que cerca de 300 mil contribuintes regularizam a sua situação com a medida de isentar de juros quem pagasse até ao final do ano os impostos em atraso, não querendo avançar quanto é que o Estado deixou de encaixar com a isenção de juros.

O Estado encaixou cerca de 1,1 mil milhões de euros com as receitas que decorreram do perdão fiscal, sendo que 440 milhões de euros correspondeu a dívidas em Imposto sobre Rendimento Colectivo (IRC).

Com estas receitas extraordinárias, aliada à venda de património, da rede fixa à Portugal Telecom e direitos de portagem na CREL à Brisa, a ministra das Finanças acredita que o défice orçamental ficará nos 2,8% do Produto Interno Bruto (PIB) no final de 2002, depois de ter sido apurado um défice de 4,1% do PIB em 2001.

Ver comentários
Outras Notícias