Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Fundo da Segurança Social já investe 15% em acções

O fundo de estabilização financeira da Segurança Social (FEFSS) reforçou significativamente a sua posição em acções ao longo do último ano. Segundo as demonstrações financeiras do relatório e contas de 2004, a que o Jornal de Negócios teve acesso, em Deze

Negócios negocios@negocios.pt 20 de Abril de 2005 às 10:21
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

O fundo de estabilização financeira da Segurança Social (FEFSS) reforçou significativamente a sua posição em acções ao longo do último ano. Segundo as demonstrações financeiras do relatório e contas de 2004, a que o Jornal de Negócios teve acesso, em Dezembro último o fundo detinha em acções 781 milhões de euros, o que representa cerca de 15% do seu património negociável.

Este valor ultrapassa em 280 milhões de euros o montante que estava investido no mercado accionista no final de 2003, que correspondia então a apenas 10,4% do património negociável do fundo.

Este reforço da exposição do FEFSS aos mercados accionista vai ao encontro da alteração feita ao regulamento do fundo, publicada em Outubro do ano passado. Esta mudança – a segunda da autoria do então ministro da tutela, Bagão Félix, e a terceira no espaço de quatro anos – veio alargar o limite máximo de exposição às acções de 20% para 25%.

(leia mais no Jornal de Negócios de hoje)

Outras Notícias