Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Gestores que ignoraram recomendações do Tribunal de Contas podem ter de devolver dinheiro ao Estado

O Tribunal de Contas tinha já feito recomendações no âmbito dos contratos “swaps” realizados por empresas públicas. Os gestores que não seguiram as recomendações podem ser obrigados a devolver ao Estado dinheiro gasto e serem alvo de multas, explica o “Correio da Manhã”.

Negócios 06 de Maio de 2013 às 09:18
  • Assine já 1€/1 mês
  • 10
  • ...

O director-geral do Tribunal de Contas, José Tavares, explica ao jornal que “se o relatório [da Inspecção-Geral de Finanças] contiver infracondições financeiras, o Tribunal de Contas enviará para o Ministério Público” essa informação. Mas antes disso, os responsáveis vão averiguar se as empresas em causa já tinham recebido recomendações sobre este tipo de contratos.

 

“Caso não tenham sido seguidas [as recomendações do Tribunal], constituem uma agravante de responsabilidade financeira” e, nesse caso, os gestores que ignoraram as recomendações podem ser multados e obrigados a devolver dinheiro ao Estado.

 

Em causa estão contratos realizados entre entidades públicas e a banca e que potencialmente lesaram o Estado em quase três mil milhões de euros. O IGCP ficou com a missão de rever estes contratos e já terão sido identificados todos os contratos que podem ter tido contornos questionáveis.

 

O Estado negociou com a banca, com o objectivo de rever estes contratosm não tendo conseguido chegar a qualquer acordo com o BNP Paribas, Deutsche Bank e Goldman Sachs, admitindo seguir para tribunal.

 

 

Ver comentários
Saber mais Tribunal de Contas swaps gestores
Mais lidas
Outras Notícias