Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Governo americano investe mais 15 mil milhões de euros no Bank of America

O governo norte-americano vai investir mais 20 mil milhões de dólares (15,2 mil milhões de euros) no Bank of America e vai garantir 118 mil milhões de dólares (89,7 mil milhões de euros) dos seus activos para ajudar a instituição a adquirir o Merrill Lynch.

Raquel Godinho rgodinho@negocios.pt 16 de Janeiro de 2009 às 08:13
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...
O governo norte-americano vai investir mais 20 mil milhões de dólares (15,2 mil milhões de euros) no Bank of America e vai garantir 118 mil milhões de dólares (89,7 mil milhões de euros) dos seus activos para ajudar a instituição a adquirir o Merrill Lynch.

Num comunicado conjunto, o Departamento do Tesouro, a Reserva Federal e a Federal Deposit Insurance (FDIC) afirmaram que o governo concordou com esta acção de emergência “como parte do seu compromisso em suportar a estabilidade do mercado financeiro”.

“O governo norte-americano vai continuar a usar todos os seus recursos para preservar a força das nossas instituições bancárias e promover o processo de reparação e recuperação e gerir riscos”, adianta o comunicado, citado pela agência Bloomberg.

Este anúncio chega um dia depois de o Bank of America e o Citigroup terem registado acentuadas perdas em bolsa fruto dos receios de que registariam novas perdas relacionadas com a crise no mercado de crédito de alto-risco.

Na sessão de ontem, o Bank of America fechou a perder 18,43%, para 8,32 dólares, depois de ter chegado a cair 27,94%. Os títulos conseguiram reduzir as perdas depois de uma fonte conhecedora do processo ter comentado que estão a ser pedidas garantias às autoridades federais para ajudar a suavizar a compra da Merrill Lynch.

Recorde-se que o governo já tinha injectado 15 mil milhões de dólares (11,4 mil milhões de euros) no Bank of America e 10 mil milhões de dólares (7,6 mil milhões de euros) no Merrill Lynch para ajudar as instituições a enfrentar a crise global.

As conversações entre o governo e o banco foram mantidas nas duas últimas semanas, afirmou um responsável que não foi identificado. O Bank of America afirmou aos reguladores, em Dezembro, que poderia abandonar a aquisição do Merrill Lynch devido aos resultados deste banco que foram piores do que o esperado, afirmaram três pessoas próximas do processo antes do anúncio.

A não concretização desta aquisição seria um novo golpe para o sector financeiro, podendo agravar novamente a turbulência dos mercados. O Bank of America anunciou a 15 de Setembro a aquisição do Merril Lynch por 19,4 mil milhões de dólares (14,8 mil milhões de euros).

Ver comentários
Outras Notícias