Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Honohan: Juros da dívida irlandesa continuam "desfavoráveis" para um regresso aos mercados

Governador do banco central da Irlanda afirmou que os juros da dívida continuam "desfavoráveis" mas considerou um "exagero" falar sobre um segundo pacote de resgate.

Ana Luísa Marques anamarques@negocios.pt 21 de Maio de 2012 às 14:22
  • Assine já 1€/1 mês
  • 4
  • ...
Quando questionado sobre a possibilidade do país precisar de recorrer a um segundo pacote de resgate, Patrick Honohan (na foto) afirmou que é "decepcionante" que os juros da dívida irlandesa continuem em níveis "desfavoráveis" mas acrescentou que seria um "exagero" concluir daqui que o país precisa de um segundo pacote de resgate.

De acordo com o "Irish Times", o governador do banco central da Irlanda explicou que os elevados juros da dívida se devem a "factores externos". No entanto, prossegue o jornal, Honohan recusou falar sobre o que pode acontecer se o país não conseguir regressar aos mercados da dívida antes do fim do programa de assistência externa, marcado para o final de 2013.

"Não quero falar sobre planos B, C ou D. O plano A é bom e ainda estamos numa situação em que não precisamos de começar a falar sobre outras hipóteses", disse Patrick Honohan citado pelo "Irish Times". O responsável – que falava durante a apresentação do relatório anual do banco central - recusou comentar a situação da Grécia e os impactos que uma saída deste país da Zona Euro podem ter na Irlanda.

A Irlanda foi o segundo país da Zona Euro – a seguir à Grécia - a ser intervencionado pela troika em Novembro de 2010.
Ver comentários
Saber mais irlanda juros da dívida banco central Patrick Honohan
Outras Notícias