Política Hugo Soares acusa direcção do partido de "desrespeito institucional grave"

Hugo Soares acusa direcção do partido de "desrespeito institucional grave"

O líder cessante da bancada do PSD defendeu esta terça-feira que seria "um desrespeito institucional grave para com o grupo parlamentar", se não fosse convocado para uma reunião da Comissão Política do partido na qual tem lugar por inerência.
Hugo Soares acusa direcção do partido de "desrespeito institucional grave"
Lusa
Lusa 20 de fevereiro de 2018 às 16:33
"A acontecer, creio que não será verdade, mas a acontecer, creio que se trata de um desrespeito institucional grave para com o grupo parlamentar, mas creio que não deve haver nenhuma reunião porque eu não fui convocado", afirmou Hugo Soares depois de questionado pelos jornalistas.

Hugo Soares começou por afirmar: "Não sabia que havia reunião da comissão política".

Acerca da presença do presidente da bancada nestas reuniões, respondeu: "Sim, estava previsto nos estatutos, mas não sabia que havia reunião".

A Comissão Política do PSD foi marcada para as 17:00 de hoje, iniciando-se uma hora antes, no parlamento, uma reunião da conferência de líderes parlamentares.

Na quinta-feira realizam-se eleições para a bancada parlamentar, sendo candidato o deputado Fernando Negrão.

A Comissão Política do PSD eleita no 37.º Congresso Nacional integra como vice-presidentes David Justino, Elina Fraga, Isabel Meirelles, Manuel Castro Almeida, Nuno Morais Sarmento e Salvador Malheiro.

Os vogais da Comissão Política Nacional eleitos no domingo são André Coelho Lima, António Carvalho Martins, António Topa, António Maló de Abreu, Cláudia André, João Cunha e Silva, Manuel Pinto Teixeira, Maria da Graça Carvalho, Ofélia Ramos e Rui Rocha.

Também com assento da Comissão Política Nacional, Feliciano Barreiras Duarte foi eleito o novo secretário-geral dos sociais-democratas.

De acordo com os estatutos do partido, além do presidente, dos vice-presidentes, do secretário-geral e dos vogais têm também assento na Comissão Política o presidente do grupo parlamentar - Hugo Soares, até às eleições de quinta-feira - , os presidentes das Comissões Políticas Regionais dos Açores e da Madeira ou um representante de cada uma delas, o presidente e outro dirigente nacional da Juventude Social-Democrata, o secretário-geral dos Trabalhadores Sociais-Democratas e o presidente dos Autarcas Sociais-Democratas.

A Comissão Política Nacional do novo presidente do PSD, Rui Rio, foi eleita no domingo, com 64,7% dos votos, com cerca de um terço de votos brancos e nulos.

Desde que o partido elege os líderes por directas, apenas Luís Filipe Menezes, em 2007, com 61,8%, teve uma votação mais baixa para a sua direcção.



pub