Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Idosos deverão representar 32% da população portuguesa em 2050

A população idosa deverá praticamente duplicar ao longo dos próximos 40 anos, prevendo-se que venha a pesar 32% do total da população residente em Portugal em 2050, enquanto a população jovem só deverá vir a representar cerca de 13%, de acordo com as esti

Susana Domingos sdomingos@negocios.pt 22 de Dezembro de 2006 às 12:24
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

A população idosa deverá praticamente duplicar ao longo dos próximos 40 anos, prevendo-se que venha a pesar 32% do total da população residente em Portugal em 2050, enquanto a população jovem só deverá vir a representar cerca de 13%, de acordo com as estimativas do INE.

"Considerando o cenário base das projecções de população residente no horizonte de 2010 a 2050, a situação de envelhecimento demográfico, ou seja, o aumento da proporção da população idosa no total da população residente irá continuar, quase duplicando nos próximos 40 anos, atingindo, em 2050, 32% do total da população, contra apenas 13% de jovens", revela o estudo dos indicadores sociais do Instituto Nacional de Estatística (INE).

Perante este cenário, o índice de envelhecimento situar-se-ia em 243 idosos por cada 100 jovens, de acordo com os cálculos do INE.

No ano passado, a população residente em Portugal aumentou 0,4%, estimando-se que tenha atingido em 31 de Dezembro desse ano 10569,6 mil indivíduos. Ainda assim, o crescimento tem vindo a abrandar desde 2003, "em consequência do comportamento dos saldos naturais ¾ quase nulos em 2003 e 2005 ¾ e da diminuição dos saldos migratórios", afirma o estudo.

A evolução demográfica portuguesa segue a tendência dos restantes Estados membros da União Europeia (UE 25), apontando as projecções de população divulgadas pelo Eurostat para a duplicação do peso de pessoas idosas em meio século (1995-2050), o qual passaria de 15% para 30%. "Segundo as mesmas projecções, o índice de envelhecimento da UE (25) situar-se-ia em 223 idosos por cada 100 jovens, em meados do presente século", diz o INE.

Outras Notícias