18 de junho de 2017 às 15:03
Cristas afirma que este é o tempo de o país estar unido

A presidente do CDS-PP afirmou hoje que este é o tempo de o país estar unido no luto pelas vítimas do incêndio no distrito de Leiria e no apoio às forças que o combatem no terreno.

"Por isso mesmo, também no CDS decidimos cancelar toda a agenda política", adiantou Assunção Cristas. Os centristas não terão iniciativas durante toda esta semana.

Assunção Cristas falava aos jornalistas na sede do CDS-PP, em Lisboa, onde a bandeira nacional foi colocada a meia haste, em observância do luto nacional de três dias decretado pelo Governo, entre hoje e terça-feira.

Tendo ao seu lado o líder da bancada parlamentar centrista, Nuno Magalhães, e o vogal da Comissão Executiva Pedro Mota Soares, a presidente do CDS-PP declarou: "Hoje estamos todos unidos no luto nacional por esta tragédia que está a assolar o centro do nosso país, no distrito de Leiria".

"É o tempo para estarmos unidos em luto pelas famílias, pelos amigos, e também unidos junto daqueles que estão a combater no terreno, Proteção Civil e bombeiros, em condições tão árduas e tão difíceis", completou.

"E eu queria reiterar as condolências, os sentimentos profundos que já fui deixando nas últimas horas nas redes sociais", acrescentou.