Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Inflação escala para 9,3%, o valor mais alto desde 1992

A inflação em território nacional escalou para o valor mais alto desde 1992, subindo 0,4 pontos percentuais face ao verificado em agosto. Em setembro, a estimativa rápida aponta para 9,3%.

Inflação em maio atingiu o valor mais alto desde fevereiro de 1993, com os produtos alimentares e energéticos a liderarem subidas de preços.
João Cortesão
Diogo Mendo Fernandes diogofernandes@negocios.pt 30 de Setembro de 2022 às 09:45
  • Partilhar artigo
  • 12
  • ...
A inflação em Portugal chegou aos 9,3% em setembro, em termos homólogos, o valor mais elevado desde outubro de 1992, uma subida de 0,4 pontos percentuais face ao valor verificado em agosto.

"A taxa de variação homóloga do Índice de Preços no Consumidor (IPC) terá aumentado para 9,3% em setembro, uma taxa superior em 0,4 pontos percentuais (p.p.) à observada no mês anterior e a mais elevada desde outubro de 1992", revela a estimativa rápida divulgada esta sexta-feira, pelo Instituto Nacional de Estatística.

O INE indica ainda que a taxa de inflação subjacente (que exclui produtos alimentares não transformados e energéticos) registou uma variação de 6,9%, depois de ter sido de 6,5% no mês anterior, o mais elevado desde fevereiro de 1994.



A contribuir para uma maior variação da inflação estiveram os produtos alimentares não transformados que registaram um aumento de 16,9%, depois de uma subida de 15,4% em agosto.

Já relativamente aos produtos energéticos, a estimativa rápida do INE aponta para uma taxa inferior em 1,8 p.p. face a agosto, que se fixa em 22,2%.

O Índice Harmonizado de Preços no Consumidor (IHPC) português, que permite a comparação com outros Estados-membros da União Europeia terá registado uma variação homóloga de 9,8%, superior em 0,5 p.p. ao valor do mês anterior.

(Notícia atualizada às 10h01)
Ver comentários
Saber mais Portugal economia negócios e finanças macroeconomia
Outras Notícias