Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Inflação desce para 2,1% em Fevereiro

A taxa de variação homóloga do Índice de Preços no Consumidor (IPC) em Portugal situou-se em 2,1% em Fevereiro passado, menos duas décimas de ponto percentual que o registado no mês antecedente, anunciou hoje o INE. O índice de inflação subjacente registo

Isabel Aveiro ia@negocios.pt 12 de Março de 2004 às 11:02
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

A taxa de variação homóloga do Índice de Preços no Consumidor (IPC) em Portugal situou-se em 2,1% em Fevereiro passado, menos duas décimas de ponto percentual que o registado no mês antecedente, anunciou hoje o Instituto Nacional de Estatística (INE). O índice de inflação subjacente registou uma taxa de variação de 2,7%.

Em comunicado, o instituto estatístico oficial português avançou que a «classe dos restaurantes e hotéis foi a que apresentou a contribuição mais elevada para a variação homóloga do IPC total». A classe representa cerca de 23% da variação homóloga total, acrescenta a mesma fonte.

No mesmo mês o IPC registou uma variação mensal negativa de 0,2%, «duas décimas de ponto percentual abaixo do valor observado em Fevereiro de 2003». No mês em análise, acrescenta a mesma fonte, «apenas duas classes registaram variações mensais de sinal negativo».

A variação média dos últimos 12 meses, «à semelhança do mês anterior, registou um decréscimo de duas décimas de ponto percentual, situando-se no mês em análise em 2,9%».

O índice de inflação subjacente, excluindo produtos alimentares nãos transformados e energéticos, apresentou uma taxa de variação homóloga de 2,7%, superior à do IPC total, pelo segundo mês consecutivo, salienta o INE.

O Índice Harmonizado de Preços no Consumidor (IHPC) registou «um aumento de 2,1% face a Fevereiro do ano anterior e um decréscimo de 0,2% face a Janeiro de 2004». A taxa de variação média dos últimos 12 meses baixou para 2,9%, divulga ainda o instituto.

Ver comentários
Outras Notícias