Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Infra-estruturas devem ter uma abordagem "apolítica"

Responsável da KPMG diz que grandes projectos devem ser independentes dos ciclos políticos.

Alexandra Noronha anoronha@negocios.pt 30 de Maio de 2011 às 17:38
  • Partilhar artigo
  • ...
James Stewart, Global Infrastructure Chairman, da consultora KPMG, disse hoje que os projectos contratados a privados, nomeadamente as Parcerias Público-Privadas (PPP), deveriam ter uma abordagem “apolítica” e não estar dependentes de vontades diferentes de cada Governo que é eleito para um País.

O responsável, que falou hoje na conferência “Portugal, que futuro”, organizada pelo Negócios e pela KPGM, disse que “o tempo alargado destes projectos faz com que tenham que ultrapassar os ciclos políticos” e deu o exemplo do plano de infra-estruturas da Grã Bretanha.

James Stewart alertou ainda para a necessidade de os Governos serem mais duros a negociar e renegociar as PPP, ainda que, neste último caso, muitas vezes seja complicado alterar os contratos se já estiverem numa fase muito avançada de execução ou exploração.

Ver comentários
Saber mais infra-estruturas James Stewart
Outras Notícias