Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Jerónimo de Sousa apela à juventude comunista para intensificar a luta

O secretário geral do PCP, Jerónimo de Sousa, apelou hoje aos jovens comunistas para que intensifiquem a luta por políticas diferentes, considerando que a derrota da moção de censura ao Governo não diminuiu a determinação do partido.

Lusa 23 de Maio de 2010 às 21:17
  • Partilhar artigo
  • ...
O secretário geral do PCP, Jerónimo de Sousa, apelou hoje aos jovens comunistas para que intensifiquem a luta por políticas diferentes, considerando que a derrota da moção de censura ao Governo não diminuiu a determinação do partido. "Continuem e intensifiquem a vossa luta, a nossa luta", disse Jerónimo de Sousa no encerramento do 9.º congresso da Juventude Comunista Portuguesa (JCP).

Na intervenção, que durou cerca de meia hora, o líder comunista não poupou críticas ao Governo de José Sócrates, a quem responsabilizou pela actual situação económica do país e pela degradação das condições de vida e de trabalho dos portugueses, em particular dos jovens.

"A nova escala na ofensiva da política de direita a que assistimos nestes últimos tempos com o lançamento do PEC, agravada nestes últimos dias por novas medidas de austeridade, atingem particularmente os trabalhadores e as classes populares, impondo novos e mais drásticos sacrifícios, agravando injustiças e renunciando a uma política de desenvolvimento do país", disse. A apresentação, na sexta feira, de uma moção de censura ao Governo, foi justificada por Jerónimo do Sousa com a gravidade das medidas de austeridade em curso, alegando que ela "não pode ser desligada do protesto e da luta de largas camadas" da população.

"A moção foi derrotada, mas não foi derrotada a nossa determinação de contribuir para ampliar a luta que se impõe desenvolver contra todas estas medidas e contra esta política", disse aos jovens comunistas que várias vezes o interromperam com ovações e palavras de ordem. "E a resposta está aí já na acção nacional da CGTP do próximo dia 29. Na grande manifestação nacional em Lisboa e que vai contar, estamos certos, com a ampla participação da juventude", acrescentou.
Ver comentários
Outras Notícias